Apadrinhar é coisa séria!

Dicas para escolher madrinhas, padrinhos e demoiselles

A tradição que trouxe os padrinhos para o casamento já passou por muitas transformações. No entanto, algumas convenções e a pressão de familiares preocupam os noivos na hora de escolher quem vai acompanhá-los nessa jornada. Nesse post vamos esclarecer o que é importante na hora de decidir sobre as madrinhas e padrinhos do seu casamento!

A escolha

Primeiramente, não se trata apenas de uma entrada durante a cerimônia! Madrinhas e padrinhos se tornam parte da vida do casal, antes, durante e depois do evento. Eles são pontos de apoio para os noivos: amigos e familiares com quem se pode contar para ajudar em questões sobre a festa, os preparativos e o relacionamento, especialmente quando realmente começar a vida de casados.

Ou seja, o convite NUNCA pode vir por obrigação! Se vocês ainda nem conhecem a namorada daquele primo querido, não são tão próximos daquele tio que sempre brinca que quer ser padrinho, ou se possuem uma amiga que os chamou e ficam sem graça de não retribuir o convite, respirem fundo e se perguntem: “queremos mesmo que essa pessoa faça parte da nossa vida de casal?”. Caso a resposta seja não, não se preocupem em decepcionar essas pessoas. Tenha em mente que os padrinhos são para sempre.

Foto: Ayrton Borges

 

É função deles ajudar vocês nos preparativos do casório, serem compreensivos e apoiarem as escolhas dos noivos para a cerimônia. Também são os padrinhos e as madrinhas que vão estar juntos na organização dos pré-eventos, como despedidas de solteiro, chá de panela e tudo o mais. Se os noivos forem adeptos do DIY, é ótimo que os padrinhos também se envolvam na confecção de convites, enfeites ou arranjos que serão feitos manualmente. Madrinhas e padrinhos podem ser consultados para dar opiniões sobre as escolhas dos noivos, acompanhar em visitas, ir a provas…

No grande dia, eles devem chegar mais cedo e estar ao lado dos noivos em todos os momentos em que eles precisarem, seja para ajudar a noiva com o vestido ou o noivo na hora de passar a gravata. Ou seja, não cabe chegar atrasado, né? Padrinhos estão aí para facilitar a vida dos noivos, e não dificultar! Por fim, na própria vida de casados, são pessoas que estarão presentes no dia a dia do casal. Ainda a postos para abençoar essa união.

Foto: Iphoto Studio
Foto: Iphoto Studio

 

Os detalhes

Mas e aí? Quantos chamar? Como chamar? Devo escolher uma paleta de cores? Como resolver tudo isso?

Vamos lá: pense sempre no perfil da cerimônia. O número de convidados, se será algo mais intimista, mais moderno, como é o altar ou o espaço onde será realizado o casamento… Como já falamos, é importante chamar pessoas que façam sentido para o casal. É também importante chamar uma quantidade que faça sentido dentro da celebração. Não há regras! Mas é sempre bom pensar em uma quantidade que, além de ficar bonita dentro da cerimônia, não a deixe cansativa e demorada.

Para as noivas que gostam de inovar, uma tendência mais recente são as demoiselles, as damas de honra – adultas – que não precisam de acompanhante na entrada. Semelhantes às madrinhas, elas também são parte importante do casamento e tem a função de ajudar. Mas a entrada é mais como a de daminhas: podem combinar vestidos e cores, além de entrar com buquês que harmonizem com o da noiva. Veja essa inspiração do Berries and Love:

Foto: Reprodução Berries and Love

Já concordamos que é um papel especial o de padrinhos e madrinhas, né? Além de carregar, em si, uma certa responsabilidade e cuidado com os noivos. Então, o convite para essas pessoas também deve estar de acordo! É uma boa inclusive para animar esse pessoal, fazendo-os se sentirem tão empolgados quanto vocês devem estar.

Em relação aos trajes, já é uma prática comum escolher uma cartela de cores para os vestidos e ternos das madrinhas e padrinhos. Estamos falando mais uma vez de uma escolha que precisa ser pensada em conjunto com o conceito do seu evento. Se a decoração é linda, o fotógrafo é bafônico e tudo estará pensado nos mínimos detalhes, por que não influenciar no visual dos seus padrinhos? O dia é dos noivos e isso também deve estar de acordo com o perfil deles.

Então, se é um desejo de vocês, vá em frente! Escolha cores que harmonizem com a cerimônia, mas não se esqueça de prezar pelo bem estar das suas madrinhas, também! Deixando-as confortáveis com os vestidos que forem usar. Para os padrinhos, é possível escolher um modelo, uma cor de terno, camisa ou gravata. É claro que é preciso bom senso, afinal esses trajes envolvem muitos custos, e por mais que os seus padrinhos amem vocês, não dá para pedir que eles gastem além do que podem. Sejam parceiros dos seus padrinhos!

Foto: Ana Slika
Foto: Ana Slika
Ufa! Cada partezinha do casamento reserva muitas escolhas, não é mesmo? Sorte a sua, e do seu noivo, que você não precisa passar por isso sozinha! Além das madrinhas, padrinhos e demoiselles, existe uma figura ótima para te assessorar profissionalmente nesse processo. Conheça mais sobre assessoria, consultoria e cerimonial aqui.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *